Anexo Museu Casa Lacerda – Lapa – PR

A fachada da travessa Brito de Lacerda revela volumetricamente as relações geométricas que definem as plantas-baixas. Enquanto marquise cobre a leve rampa de acesso ao edifício, a curva abaixo dela que integra a área de exposições ao café empresta dramaticidade ao volume final. Generosas faixas de pedra no embasamento facilitam a limpeza da fachada, garantindo o bom aspecto da edificação ao longo do tempo.

a pequena praça de acesso se conforma pela relação entre o volume de apoio, que recebe diversas instalações, e o corpo principal da edificação e empresta singelo caráter cívico à fachada do anexo ao Museu Casa Lacerda.

A pequena praça de acesso se conforma pela relação entre o volume de apoio, que recebe diversas instalações, e o corpo principal da edificação e dá discreto caráter cívico à fachada do anexo ao Museu Casa Lacerda.

A Varanda oferece-se como opção de acesso ao edifício anexo. Em dias de frio, ela pode ser fechada por um portão acumulado à esquerda na imagem e por toldos retráteis voltados para o pátio interno. A cozinha e a fachada do café também contam com toldos externos retráteis para minimização do ofuscamento e da incidência solar. Em dias amenos, pode-se ter uma integração visual total.

A Varanda oferece-se como opção de acesso ao edifício anexo. Em dias de frio, ela pode ser fechada por um portão acumulado à esquerda na imagem e por toldos retráteis voltados para o pátio interno. A cozinha e a fachada do café também contam com toldos externos retráteis para minimização do ofuscamento e da incidência solar. Em dias amenos, pode-se ter uma integração visual total.

A varanda ampla permite que as pessoas se reunam ao redor do fogão à lenha e desfrutem da ampla visual para o conjunto arquitetônico e para o paisagismo dos pátios. Os materiais foram selecionados para contribuir para a harmonia do todo.

A varanda ampla permite que as pessoas se reunam ao redor do fogão à lenha e desfrutem da ampla visual para o conjunto arquitetônico e para o paisagismo dos pátios.

Corte Longitudinal

Corte Longitudinal

Planta Baixa Primeiro Pavimento

Planta Baixa Primeiro Pavimento

Planta Baixa Segundo Pavimento

Planta Baixa Segundo Pavimento

A recepção dá acesso ao salão multiuso e às áreas administrativas. Ao fundo, percebe-se a arquibancada acomodada no desnível do terreno que tem no pátio inferior seu fonto focal. A conexão desembaraçada entre o salão multiuso e o pátio pode vir a ser de grande uso em dias de eventos.

A recepção dá acesso ao salão multiuso e às áreas administrativas. Ao fundo, percebe-se a arquibancada acomodada no desnível do terreno que tem no pátio inferior seu ponto focal. A conexão desembaraçada entre o salão multiuso e o pátio pode vir a ser de grande uso em dias de eventos.

A área expositiva integra-se a ampla área de circulação e pode ser acessada facilmente a partir do núcleo de circulação vertical. Suas proporções em planta e condições de iluminação a emprestam grande flexibilidade de layout.

A área expositiva integra-se a ampla área de circulação e pode ser acessada facilmente a partir do núcleo de circulação vertical. Suas proporções em planta e condições de iluminação a emprestam grande flexibilidade de layout.

A partir da cozinha se pode acessar facilmente o pátio histórico, o pátio novo, a varanda e o café, o que aumenta em muito suas possibilidades de aproveitamento.

A partir da cozinha se pode acessar facilmente o pátio histórico, o pátio novo, a varanda e o café, o que aumenta em muito suas possibilidades de aproveitamento.

A edificação anexa ao Museu Casa Lacerda procura integrar-se harmonicamente ao sítio, complementando-o com novas atividades. A nova construção organiza-se a partir das premissas de não obstrução da visual do horizonte a partir do interior da Casa Lacerda e da intenção de maximizar a relação das atividades do anexo, especialmente aquelas que envolvem interação social, com o pátio histórico. A adoção de um pequeno pátio contíguo ao pátio histórico e a acomodação das atividades  gregárias ao redor deste em muito aumenta a área de contato entre o novo e o antigo, tornando natural e convidativa a circulação entre o anexo e a preexistência. As superfícies do edifício anexo podem ser pintadas conforme a cor da Casa Lacerda sempre que assim se desejar; nos pisos externos novos se encontra a tonalidade de cor do pátio existente em tijoletas e por fim, quando o metal se faz presente, ele está patinado com a pigmentação ocre que o torna bem vindo na paleta do contexto. Vislumbramos um conjunto uno, coeso e belo, onde a adição proposta funciona de maneira naturalmente incorporada à Casa Lacerda, ressaltando suas características arquitetônicas de maneira ao mesmo sutil e contundente.

/  The Casa Lacerda Museum Annex Building aims to integrate itself harmoniously with the conditions of the site. The new building is organized based on the premises of non-obstruction of the horizon for the visitors inside the historical Casa Lacerda and on the intention of maximizing the relation of the new activities with the existing courtyard. The use of a smaller courtyard to connect the new building with the historic one helps increase the contact area between them. The annex building sufaces can be painted in the color of the Casa Lacerda whenever so desired, the new external pavings have the same color tone of the existing brick flooring on the courtyard. When metal is used, it is presented with a patina that matches the color pallete of the context. We visualise a cohese and beautiful architectural ensemble, where the proposed architecture can highlight Casa Lacerda’s qualities in a subtle manner without  abdicating its own expression. /

Concurso

Time: Gabriel Johansson Azeredo, Ruti Luíza Conrad, Gabriel Waquil e Pedro Leggerini.

MCL_FACHADA-CAM-B_NOTURNA_R00_wash